Gerador de baixa rotação com sistema de escovas e luz nas pás em movimento



Este é o gerador de que já falei em um dos vídeos do meu canal. Foi feito de um motor de máquina de lavar roupa e, na altura, fiz uma cobertura para ele utilizando uma lata. Nos testes que fiz com esse gerador consegui obter uma tensão bastante alta, mas com pouca amperagem. No entanto verifiquei que esse gerador não precisava de rotações muito altas para acender um projetor de ledes que funcionava com seis volts. Para fazer esse teste retirei as quatro pilhas de 1,5 volts que ele tinha e liguei os fios do gerador a esse projetor.

Torre de morangos multi-colorida


Gosto de fazer trabalhos originais e, desta vez, resolvi construir uma torre para plantar morangos muito diferente do que habitualmente se vê. Eu nunca escolho o caminho mais fácil e esta torre deu bastante trabalho a elaborar, mas acho que quando os morangos estiverem a crescer, pendurados dos vasos da torre, vou achar o tempo que gastei neste projeto bem utilizado.

Comecei por fazer uma pequena fundação no terreno onde coloquei algumas pedras e argamassa.

Na fundação coloquei uma vara de ferro que irá ficar dentro do tubo que, mais tarde será cheio com argamassa. Na fundação ficou chumbado um pedaço de tubo de pvc onde irá entrar à justa o tubo colorido. Desse modo o tubo fica fixo para fazer as operações seguintes.

Depois recortei pequenas rodelas de tubo colorido para fazer as prateleiras para os vasos. Enfiei dois ferros nessas rodelas de tubo e depois enchi as rodelas com argamassa.

Quando o cimento colocado nas rodelas já estava seco, fiz furos no tubo colorido vertical para colocar as prateleiras. Essas prateleiras ficaram em espiral de modo a que a distância entre os vasos seja sempre igual.

Construção de uma picota para elevação de água


O shadoof ou shaduf é uma ferramenta usada na irrigação desde cerca de há 3000 anos aC na Mesopotâmia, há cerca de 2000 anos aC no antigo Egipto e mais tarde (1600 anos aC) na China e em muitos outros países, incluindo Portugal.

O poste desta picota é em pedra e resistiu ao tempo. Ruínas de um passado não muito distante.

O shaduf, é uma palavra de origem árabe, mas em Portugal essa ferramenta tomou várias designações como: gaivota, cegonha, picota, burra, balança e outros, conforme as regiões onde era utilizado. Este aparelho era constituído por um tronco enterrado no solo, tendo no cimo uma forquilha que, por vezes, era feita pela própria bifurcação das pernadas de uma árvore. Nesta forquilha colocava-se um pau com cerca de cinco ou seis metros de comprimento que se movia num eixo colocado nas duas hastes da forquilha e que tinha numa extremidade um contrapeso que, normalmente, era uma pedra. No outro extremo do pau era pendurada, na vertical, uma vara fina que tinha na ponta inferior um gancho onde se enfiava a asa do balde. O contrapeso servia para ajudar a subir o balde cheio de água, mas para o fazer descer tornava-se um obstáculo, pelo que o seu peso tinha de ser regulado de modo a que tanto a subida como a descida do balde fosse feita com o menor esforço possível.

BEBEDOURO AUTOMÁTICO E REGULÁVEL


Este bebedouro tem alimentação automática, esgoto e é regulável em altura para vários tamanhos de aves. Quer fazer um igual? Leia o post até ao fim e vai ver que é fácil e fica barato.


Não é necessário muito material e algum pode ser encontrado em sucatas.